13 Motivos simples para sua empresa investir em Marketing Digital

Olá, aqui é o Bruno, e faço parte do time de marketing digital aqui da Incandescente. Sou eu, em pixels digitais, com compromisso de retorno e “bis”.

Prepare um café, acomode-se, porque agora eu vou te explicar de uma vez por todas o porquê a sua empresa deve investir em Marketing Digital.

Para começar, eu te faço uma pergunta: Você já aplicou algum desses conceitos ou técnicas no seu negócio:

Planejamento, Branding, Persona, Jornada de compra, SEO, Blog, Conteúdo rico, Landing pages (Páginas web de captura de contatos) Automação, Análise, Controle, Software de Automação e ROI.
Se a respostar for não, você precisa continuar lendo esse artigo, e se você nunca ouviu falar da maioria dos itens acima citado, calma! Eu vou te explicar agora cada um desses conceitos que nós aplicamos no Inbound Marketing, e de como eles podem aumentar exponencialmente os resultados da sua empresa.


1. Planejamento: Antecipe-se

Muitos dos nossos clientes, antes de começar um projeto de inbound marketing não tinham a cultura de trabalhar com planejamento das ações ao longo do ano, um dos benefícios do Inbound marketing é que não só podemos, como precisamos planejar as ações, como diz um pensamento do filosofo Sêneca: “Se você não sabe para qual porto está navegando, nenhum vento é favorável”.

2. Branding com performance: Crie uma boa primeira impressão

Quando o seu cliente pensa na sua empresa, do que ele lembra? No Inbound Marketing a construção da lembrança de marca é realizada através do trabalho de branding, que é ó design estratégico da sua empresa. Segundo estudos as pessoas são altamente influenciadas no momento da compra pelo o que elas veem. Na Incandescente, damos uma atenção especial a esse assunto, sempre!

3. Persona: Conheça o seu publico

Como o próprio nome sugere, persona é um “personagem” que definimos para o seu negócio, através de entrevistas descobrimos quais as principais dores e desafios das pessoas para quem vamos desenvolver conteúdo: o seu futuro cliente. Com isso a estratégia de marketing digital é muito mais assertiva, gerando mais engajamento, mais leads e consequentemente mais vendas.

4. Jornada de compra: Entenda o caminho que o seu cliente costuma percorrer antes de chegar até a sua empresa.

Se o seu potencial cliente buscar por informações na internet de como ele pode resolver um problema “um problema que a sua empresa poderia resolver”, será que ele vai encontrar o seu site fornecendo essa informação? Na jornada de compra nós descobrimos as principais dúvidas e desafios dos seus potenciais clientes para que a sua empresa possa oferecer esse conteúdo primeiro, ultilizando o que há de mais novo no marketing digital.

5. SEO: Posicione o seu site nas primeiras posições do Google

Qual palavra-chave o seu cliente busca na internet quando precisa do seu produto? Com o SEO nós otimizamos o seu site, para que ao digitar determinadas palavras ou frases relacionadas ao seu negócio (e que são relevantes para você efetuar uma venda) as páginas do seu site apareçam nos primeiros resultados de busca do Google.

6. Blog: Qualifique o seu potencial cliente

São vários os motivos para se criar um blog, em primeiro lugar os artigos escritos nele são ótimos para potencializar a sua estratégia de SEO, e através dos conteúdos gerados nós podemos criar um diferencial competitivo no mercado, ter conteúdo para se relacionar com os clientes (lembrando que: quem não é visto não é lembrado) além de ser uma ferramenta fundamental para educar os seus clientes em relação ao seu produto, gerando mais valor, para você não precisar brigar por preço no mercado.

7. Conteúdo rico: Seja relevante

O “cliente do futuro” que ouvíamos falar alguns anos atrás virou o cliente de hoje, e hoje, o cliente quer comprar de empresas que contribuem com , trazendo conteúdos relevantes, capazes de ajuda-los, tirando as suas dúvidas e os ajudando a conquistar seus objetivos. No inbound marketing nós criamos e-books, infográficos, realizamos webinar, etc. tudo para que a empresa seja o mais relevante possível para o seu publico.

8. Landing Page (páginas de captura): Qualifique o seu potencial cliente

Como você distingue um cliente que está começando a pesquisar sobre o seu produto de um cliente que já está pronto para comprar? Aqui na incandescente nós criamos Landing Pages com diversos materiais educativos, e conforme a interação do usuário/visitante com esses conteúdos nós vamos qualificando para receber o contato da empresa.

9. Automação: Crie um relacionamento constante

Quantas pessoas você ou os seus vendedores atendem que não estão preparadas para comprar o seu produto? Pessoas que não entenderam quais os valores que a sua empresa oferece, quais desafios ou dores aquele produto ou solução vai realmente satisfazer. Com o inbound marketing nós preparamos os seus potenciais clientes para uma futura compra, entregando para o seu departamento de vendas clientes que estão prontos para comprar o seu produto, pois passaram por um processo educacional através de e-mails automáticos.

10. Análise: Busque melhoras contínuas

Depois dessas técnicas implementadas, é a hora de analisar, ver o que deu certo para escalar e o que não deu certo para corrigir (nos primeiros meses é natural encontrarmos furo no nosso funil de marketing, que é o processo de aquisição de novos clientes). O marketing digital nos dá a possibilidade de mensurar o desempenho de tudo o que investimos, diferentemente de algumas outras mídias tradicionais que não permitem gestão.

11. Controle: Otimize campanhas

E como meu colega Hugo Santos costuma me dizer: “Nada que é planejado no marketing digital é escrito na pedra”. Diferente de uma ação em jornal como essa que você lê, no marketing digital tudo pode ser ajustado para que a cada dia a ação tenha mais performance, mais resultados e mais vendas. Aprimorando o processo de gestão digital.

12. Software de Automação: Escale a sua estratégia

Já deu pra perceber que o processo de inbound marketing envolve muitos processos e demandam bastante tempo, e pra gerenciar isso? Aqui na agência somos certificados e trabalhamos com o Software RD Station, que automatiza muitos processos como: Criação de Landing pages, otimização de SEO, Segmentação de clientes por interesse e perfil e relacionamento automático por e-mail. Tudo isso com o objetivo de avançar o seu cliente na jornada de compra de forma automática.

13. Vendas: Case o Marketing com as Vendas

Esse é o assunto mais falado e visado em um projeto de Inbound Marketing, pois diferente de muitas ações ele é pensado desde o primeiro minuto em gerar ROI (Retorno sobre Investimento). Inclusive nós da agência temos um contato constante com a equipe comercial dos nossos clientes, para entender as reais dores e desafios que eles passam no processo de venda, e assim entregar a tão esperada oportunidade de vendas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *