A importância de ter uma boa criação de identidade visual

Você já sentiu que sua marca não se destaca dos concorrentes no mercado? Já parou para pensar que isso talvez esteja acontecendo pela falta de uma boa criação de identidade visual? Mas como saber se esse é realmente um problema da sua marca?

Separei algumas questões que são essenciais para que você saiba se tem ou não uma boa criação de identidade visual. Mas antes, caso você não saiba absolutamente nada sobre o assunto, não entre em pânico não que eu estou aqui para te ajudar, ok?

via GIPHY

Afinal, o que é identidade visual?

Quando falamos sobre a criação de identidade visual podemos dizer que é a junção de todos os elementos que definem e comunicam visualmente a sua marca no mercado: cores, tipografias, formas, imagens, etc.

Mas podemos dizer que identidade visual é a mesma coisa que um logotipo? A resposta é não.

É claro que a criação de um logotipo faz parte do processo, assim como os materiais gráficos impressos como, por exemplo, cartões de visita e folders, mas uma criação de identidade visual vai muito além disso. Ela é a responsável por levar personalidade para a sua marca, através de estudos de cores e fontes e uma estratégia visual muito bem definida.

Como saber se a criação de identidade da minha marca é boa?

Sua marca é facilmente lembrada pelos seus clientes? Ela se comunica da forma correta com o seu público?

É sempre bom lembrar que a sua criação de identidade visual vai mostrar claramente com quem a sua marca quer conversar e por isso deve considerar de forma ampla o mercado onde sua empresa está inserida.

Uma empresa voltada para o público infantil, por exemplo, provavelmente apostará em cores mais alegres e fontes mais divertidas ao invés de cores escuras e fontes mais simples.

Leia também: Por que criar uma persona para obter resultados em marketing digital?

Além do aspecto visual, todas as cores possuem seus significados e isso é algo que pode complementar muito na criação de um conceito por trás de uma identidade visual. O azul, por exemplo, é visto como uma cor que transmite segurança e confiança e por isso é frequentemente utilizado para empresas da área da saúde.

via GIPHY

Os benefícios que você vai ter com uma boa criação de identidade visual

Acho que com a explicação acima ficou fácil de perceber o quão importante é ter uma boa criação de identidade visual para a sua marca, certo? Caso você ainda tenha dúvidas se essa criação é algo realmente grandioso, lembre-se daquela frase “a primeira impressão é a que fica”.

A identidade visual é a porta de entrada da sua marca, ela é a primeira coisa que o seu cliente verá ao entrar em contato com você e por isso deve ser algo memorável e que mostre de forma clara qual é o produto ou serviço que você oferece.

Saiba mais sobre marketing digital

Para finalizar, aqui vão 3 dicas simples que podem ajudar e muito para que a criação de identidade visual da sua marca seja feita da forma correta e o resultado seja incrível:

  1. Envie o máximo de referências de outros logotipos, imagens, fontes, identidades que você gosta. Não importa se é do seu segmento ou não, saber dos seus gostos ajuda bastante na criação!
  2. Deixe bem claro qual é o público com quem você quer falar. Características físicas, psicológicas, demográficas, tudo isso importa!
  3. Comunique qual é o tom de voz da sua empresa! É uma empresa séria ou despojada? Divertida ou formal? Tecnológica ou conservadora? E lembrando que, neste momento, é muito importante levar em consideração a coerência para que não haja confusão na hora de definir a imagem da empresa, ok?

Se a sua marca é reconhecida e lembrada de forma visual pelo seu público saiba que você está no caminho certo! Afinal de contas, se eu te disser sobre a marca que tem uma “maçã mordida”, nem vou precisar citar o nome, não é mesmo? Esse é o poder de uma boa criação de identidade visual.

via GIPHY

Entre em contato com o nosso CEO aqui.