Entenda por que o mercado está investindo em marketing digital para indústrias

O marketing digital para indústrias desenvolve estratégias importantes para alavancar o setor e torná-lo cada vez mais escalável, ajudando-o a se reinventar e buscar novas soluções de crescimento.

Dados divulgados pelo Portal da Indústria mostram que no Brasil: embora a indústria represente 21% do PIB do país, corresponde a 70,8% das exportações e 72,2% da pesquisa e desenvolvimento do setor privado.

Os números falam por conta própria. E vale lembrar que os impactos na indústria refletem em diversas áreas do país, e na vida do brasileiro.

O setor que mais contribui com o PIB da indústria é o de Serviços Industriais de Utilidade Pública (SIUP), que representa 12,4% do montante, seguido da indústria de alimentos. A maior concentração do setor se dá no estado de São Paulo e uma grande parte é formada por micro e pequenas empresas.

Observando esse cenário, em números da indústria no Brasil, podemos entrar no assunto de marketing digital para indústrias.

Por que investir em marketing digital pode ser vantajoso para a indústria?

O cliente de uma indústria costuma ser analítico e muito racional, por isso é preciso desenvolver estratégias para conversão e venda que conversem especialmente com esse público.

Com o avanço da internet, usar os meios digitais se tornou um método muito mais direto e assertivo, que possibilita segmentar um determinado público-alvo, analisar métricas, realizar testes A/B. O digital não transformou apenas a forma como se compra os produtos e serviços, mas também como se vende.

Nesse cenário, podemos pensar em alguns pilares essenciais do marketing digital para indústrias que têm transformado a forma de se fazer negócios com esse setor. Com algumas estratégias colocadas em prática, é possível aumentar a receita e obter resultados significativos nos negócios. Confira quais são os pilares importantes do marketing digital para indústrias:

Definição de persona

Não é possível delimitar estratégias para uma marca sem saber com que público-alvo estamos falando. Um dos pilares do marketing digital para indústrias é a definição de persona.

Esse trabalho de definir quem é o público que compra o produto da sua empresa é essencial: aqui se busca entender o perfil dessa pessoa, quais os costumes dela e quais as necessidades dela.

Esse é também um exercício para construção de autoridade e entendimento de marca e propósito. O posicionamento conta muito dentro do setor tão concorrido e mutável como a indústria.

Inbound Marketing e o marketing digital para indústrias:

Essa metodologia muito adotada no marketing digital conta com um conjunto de estratégias que não visam apenas a venda final. Aqui a ideia é encantar o cliente e desenvolver uma série de ações com o intuito de atrair – converter – e, por fim, encantar – baseado em um funil de vendas.

Funil de vendas

O funil de vendas, muito importante no marketing, é uma metodologia dividida em topo, meio e fundo, que traça o caminho que o cliente percorre do momento em que toma conhecimento do seu serviço/produto e converte em algum material desenvolvido por você até a venda (e o pós-venda).

Vale ressaltar como o relacionamento com o cliente é essencial para o mundo dos negócios: fidelizar! Podemos dividir o funil de vendas em etapas de jornada de compra também, como aprendizado e descoberta, reconhecimento do problema, consideração de solução e decisão de compra.

Leia mais: Funil de vendas B2B: Como usar na indústria?

E-mail marketing, fluxo de automação, conteúdo relevante

Como Chet Holmes, autor de The Ultimate Sales Machine aponta, apenas 3% da persona de uma empresa está apta a comprar o produto/serviço que ela oferece. Seja no setor da indústria ou não. E o que fazer com todo o resto que é potencial cliente, mas ainda não está pronto para comprar?

Esse é outro ponto muito importante dentro do Inbound Marketing. E um dos motivos que levam o marketing digital para indústrias estar crescendo cada vez mais. É preciso se reinventar e saber o que fazer com esses 97%, com um público analítico, que pondera cada decisão e negocia muito. Algumas estratégias funcionam, e muito, dentro desse cenário.

Conteúdos relevantes, que criem uma autoridade para a marca, são fundamentais. Aqui estamos falando de artigos para blog voltados para a dor do seu cliente, planilhas, e-books e materiais ricos, que sejam interessantes e chamem a atenção para a conversão. É o Marketing de Conteúdo em ação, fazendo a diferença.

Além de compartilhamento e comunicação nas redes sociais, como o LinkedIn, aparecendo para o mundo – as pessoas que conhecem a sua marca e as interessadas no seu produto, mas que não te conhecem ainda, podem ser impactadas.

Depois do prospect ter convertido em algum desses gatilhos, ele é direcionado para um fluxo de automação.

Quais as próximas ações? O seu time especializado sabe: ele constrói uma jornada para esse lead e vai enviando e-mails, promoções, convites para webinars e newsletters que deixam a pessoa cada vez mais “por dentro” do seu negócio, interessada no seu produto e consciente de que você pode ajudá-la a resolver o problema que ela tem.

Leia mais: Geração de leads B2B: 4 estratégias para alavancar as vendas

Etapa de vendas

As estratégias desenvolvidas até então pelo marketing digital para indústrias trazem o cliente para a reta final do seu trajeto: a compra. Ao longo de toda essa caminhada, você criou um relacionamento com essa pessoa, ela confia na sua solução e acredita no seu potencial de atender as necessidades dela.

Se tratando de indústria, o poder da negociação conta muito. Mas é claro que toda essa relação positiva trilhada faz a diferença.

O Inbound Marketing permitiu que ele passasse por uma série de etapas cruciais para uma venda assertiva. É sinal de redução de custos e tempo com estratégias não efetivas e maior ROI (Retorno sobre investimento). 

Por isso, as áreas de marketing e vendas precisam conversar e estar em união. E MUITO. Isso porque já é possível, com automações de marketing, apresentar para vendas um lead muito mais completo e qualificado. Com um time de vendas preparado, entra-se em cena para fechar uma venda, com alguém que já conhece o seu produto e está pronto para comprar.

Quer saber como a Incandescente desenvolve estratégias de marketing digital para indústrias e como podemos te ajudar a alavancar vendas? Clique no botão abaixo.