Ações de inbound marketing geram alto faturamento para indústria

Se você chegou até aqui é porque precisa de respostas e quer realmente entender se investir em inbound marketing é uma boa opção.

Por isso, hoje eu te convido a plantar uma árvore comigo. Mas o que uma árvore tem a ver com o inbound marketing? Olha, eu posso te dizer que praticamente tudo, desde a plantação até a colheita dos frutos.

Vamos começar com o preparo da terra

Para que não haja nenhum problema no crescimento da sua árvore, você precisa preparar o terreno e o mesmo acontece quando falamos de ações de inbound marketing. Antes mesmo de pensar nas estratégias você precisa conhecer profundamente a sua persona e isso vai muito além de saber os dados demográficos.

Uma empresa de automação industrial fez bem essa lição de casa, entendeu a dor do cliente e, melhor ainda, conseguiu compreender como os produtos oferecidos poderiam trazer ganhos para o profissional e a indústria.

Eles realmente pesquisaram para fazer o preparo da terra.

O inbound marketing e as ferramentas de plantio

As ferramentas para plantar uma flor não são as mesmas de uma árvore e isso também acontece ao definir as ferramentas que serão usadas nas ações de inbound. Por isso, o passo anterior é tão importante.

Identificar qual será a ferramenta usada para chegar a um possível cliente é essencial para todo o processo. Utilizar e-mails, realizar publicações de conteúdo e promover outras ações não darão resultado se você não sabe aonde realmente quer chegar e como usá-las.

A mesma empresa de automação industrial descobriu que produzir webinars era um bom caminho para gerar leads e vendas. Esse foi o caminho que estava de acordo com o público e era atrativo, o que gerou resultados escaláveis.

Ninguém sobrevive sem nutrição, nem a árvore e nem o inbound marketing

Viu, eu te disse que plantar uma árvore é igual às ações de inbound marketing. Bem, ninguém nasce forte e preparado para tudo, leva um tempo para que o tronco da árvore engrosse e para que ela dê frutos.

Mas ao longo deste período, ela vai se fortalecendo. É isso que acontece nas ações de inbound, para que a sua empresa cresça e seja reconhecida como uma referência no mercado de atuação é preciso gerar conteúdo. Essa será a sua fonte de nutrição.

Contudo, não é qualquer tipo de conteúdo. A organização precisa produzir algo que condiz com a dor do seu cliente, não é só interpretá-la, é essencial dar solução para ela.

Leia também: 5 tipos de conteúdo para captação de leads na indústria

Volto de novo para a empresa de automação industrial. Eles entenderam que só vender e falar do produto não era o suficiente para atrair o potencial cliente e mantê-lo por perto mesmo depois da compra.

Eles passaram, então, à produção de conteúdo. Redes sociais, artigos no blog, e-mails e conteúdos ricos. E sabe qual foi o resultado de tudo? Um blog que é referência no assunto e uma empresa renomada no mercado não só pelo produto que entrega, mas sim pela relevância.

Vamos colher os frutos do inbound marketing

Lembra da empresa de automação industrial? Ela saiu para colheita dos frutos e voltou com um faturamento de 2 milhões de reais. Para que isso acontecesse, foram necessários 7 materiais ricos (e-book, videoaula, webinars etc.).

Nós estruturamos uma estratégia de atração e captação de leads, que por meio de uma pontuação por lead scoring entendia o perfil do usuário e o qualificava para abordagem comercial. E o resultado? 34.902 leads gerados!