Momento de crise: Como o marketing digital pode ajudar?

A economia e os negócios podem enfrentar momentos de crise, sejam situações pontuais ou mais profundas, que demandam mudanças rápidas. A boa notícia é que o marketing digital pode ajudar em casos como esses.

Antes de mais nada, os empresários precisam compreender que as verbas destinadas para marketing e comunicação não devem ser as primeiras a serem cortadas em uma situação de crise, pelo contrário, essas atividades são essenciais para reter clientes, assim os danos serão menores e a recuperação, mais rápida.

4 formas de usar o marketing digital em momentos de crise

Para que você saiba como tirar o máximo de proveito do marketing digital em tempos de crise, listamos algumas dicas. Siga lendo e confira!

1. Crie conteúdo para ajudar o seu público

Momentos de crises em larga escala não são para ganhar dinheiro. O foco deve ser o de amenizar os impactos! Qualquer tentativa de vender algo ou tirar proveito da situação poderá ser malvista pelo público e prejudicar a imagem da sua empresa. É o que costumamos dizer, olhar por oportunidades e não por oportunismo.

Por isso, o marketing digital pode ser utilizado para criar conteúdos que ajudem o seu público. A ideia é mostrar que a sua empresa é parceira e que está disposta a ajudar os seus clientes a superar esse momento difícil criando uma jornada de conteúdo relevante e interessante para ele.

Imagine, por exemplo, uma empresa que vende produtos para hotéis. Sabemos que o setor de turismo é um dos mais prejudicados, por exemplo durante a época da pandemia que nos alcançou. Dessa maneira, seria interessante que essa companhia utilizasse o seu blog, redes sociais e outros canais de comunicação para gerar conteúdos informativos para empresários do setor hoteleiro.

Podem ser desenvolvidos artigos ou vídeos dando dicas de como lidar com cancelamentos e adiamentos de reservas, por exemplo. Assim, esse público ganhará confiança no seu negócio.

campanhas-sazonais

2. Aposte na retenção de clientes com o marketing digital

“Conquistar um novo cliente custa 5 a 7 vezes mais do que manter um antigo”, essa é uma frase de Philip Kotler, um dos maiores nomes do marketing em nível mundial. Se isso já é válido em situações normais, em períodos de crise ganha ainda mais relevância.

Em momentos difíceis para toda a sociedade, o foco das campanhas de marketing não deve ser o de conquistar novos clientes, mas sim o de reter aqueles que já confiam na sua empresa, já se relacionam com você e conhecem a sua entrega de valor. Deve-se, portanto, buscar soluções para evitar cancelamentos.

O marketing digital, mais uma vez, consegue ajudar. As empresas podem criar campanhas de e-mail marketing para relacionamento com sua base de clientes, por exemplo. Nesses e-mails, uma ideia é compartilhar dicas de como o seu serviço pode ser utilizado para contornar situações de crise.

Costumamos dizer que as empresas têm pelo menos um desses três pilares de sustentação: ou você atua para gerar receita, ou, para proporcionar economia e corte de gastos, ou, para promover conveniência. Entender em qual dos três pilares a sua empresa pode ser mais forte faz toda diferença na hora de comunicar seu diferencial através do marketing digital para seus clientes.

As sugestões e outros materiais informativos criados para os demais canais também podem ajudar de forma sincera, com todos unidos para superar o momento. As pessoas devem entender que a sua empresa está disposta a isso e pensando positivo que tempos melhores virão. Entender que sua empresa está aqui para ajudar, criando empatia em um momento tão difícil do mercado, mas disposta a passar por isso juntos.

3. Pause campanhas de venda

Conforme explicamos, um momento de crise exige medidas para contornar os danos. Por isso, campanhas de vendas, como anúncios no Facebook e no Instagram, devem ser pausadas ou repensadas, uma vez que representam perda de dinheiro e danos de imagem.

Essa é uma estratégia inteligente de marketing digital, sobretudo se o seu produto corre o risco de ficar indisponível por conta da falta de suprimentos, por exemplo. Se um cliente se interessar por algo que não pode ser comprado no momento, ele poderá ficar com uma imagem ruim da sua empresa.

4. Busque alternativas para o atendimento e divulgue em seus canais

A crise é um momento de se reinventar utilizando soluções criativas para não ser tão prejudicado. Por isso, você precisa buscar alternativas para reverter um período de queda de vendas.

Se você tem um comércio, ou uma empresa do setor de alimentos, apostar no delivery ou no drive thru pode ser uma opção. Se você tem um escritório de contabilidade ou de advocacia, porque não focar no atendimento online? Sempre enaltecemos que o modelo de atendimento por videoconferência promove economia de tempo de deslocamento, imagine, com este modo, você pode inclusive otimizar o volume de atendimentos e se aproximar ainda mais de uma maior fatia dos seus clientes.

Alternativas como essas devem ser pensadas e podem ser divulgadas por meio de ferramentas e recursos de marketing digital. Gostou das nossas dicas? Então continue se informando em nosso artigo que explica sobre a importância do marketing de conteúdo.